AMANHECER EM LUZ & PAZ

AMANHECER EM LUZ & PAZ
Cada novo Sol, a cada despertar é uma nova vida que se inicia, ou mesmo uma renovada-ação. A cada Sol temos a certeza do maior milagre de todos: A VIDA É VOCÊ!

segunda-feira, novembro 17, 2014

De Coração a Coração: PERDÃO E REDENÇÃO

 PERDÃO E REDENÇÃO:



PERDÃO E REDENÇÃO


PERDÃO E REDENÇÃO
Por Jennifer Hoffman
17 de Novembro de 2014



Uma ótima coisa sobre esta semana é que Netuno segue direto após ter sido retrógrado desde Junho.

Se você esteve se sentindo confuso e fora do equilíbrio desde este período, você pode agora ser capaz de colocar um pouco de ordem no caos, mas pode não estar se sentindo totalmente ancorado desde Fevereiro.


Netuno cria muita confusão quando está direto e ainda mais quando está retrógrado.
Ele rege a religião, a espiritualidade, os segredos e os enganos, ou ilusões.

Não é surpresa que estas questões estivessem surgindo para nós, individual e coletivamente e elas continuarão a fazê-lo até que Netuno deixe Peixes em 2025.

Entre 2008 e o início de 2012, todos os planetas externos, Urano, Netuno e Plutão, mudaram de signos. Estes planetas se movem muito lentamente, levando décadas para atravessar um signo o que para todos eles mudar de signo aproximadamente ao mesmo tempo, é indicativo da intensa energia transformadora com que estamos trabalhando agora.

A transformação individual e global é uma diretiva agora, não uma opção, especialmente com a adição das sete quadraturas Urano/Plutão, que ocorreram de Junho de 2012 até Março de 2015.

Embora tenhamos a tendência de encarar estes movimentos energéticos a partir de uma perspectiva global, eles acontecem em nossas vidas também.

Os “Expressos: Despertar e Transformação” deixaram a estação e estamos todos a bordo, ou sentados confortavelmente na primeira classe ou pendurados nas laterais, na esperança de não cairmos, uma vez que isto nos arremessará a novos destinos.

Estão preparados para perdoar e querem dar aos seus parceiros cármicos outra chance para se redimirem? Este é o tema da mensagem desta semana.

PERDÃO E REDENÇÃO

Durante anos estive escrevendo sobre o perdão e como ele é energético e não emocional, como o perdão é necessário para atravessarmos a ponte da quarta dimensão para as dimensões mais elevadas, e como ele nos permite liberar os nossos parceiros cármicos e encerrarmos contratos de alma e ciclos cármicos.

Mas todos nós ficamos presos em alguma parte deste processo, pois partimos com intenções poderosas que se desvanecem quando estamos face a face com os nossos parceiros cármicos.

Embora entremos nestas situações querendo perdoar e liberar, nossas emoções assumem o comando e queremos a redenção, para sabermos que eles se arrependem de suas ações e estão dispostos a expiar a dor que nos causaram. Queremos confiar neles, queremos uma nova verdade.

Não é fácil perdoarmos alguém que nos feriu e liberarmos toda a situação sem olharmos para trás, sobre o que poderia ter sido se eles tivessem sido diferentes.

Dependendo do quanto estejamos emocionalmente envolvidos, ou quanto esperemos destas pessoas, a linha entre o perdão e a redenção obscurece, pois ficamos na possibilidade do perdão e queremos lhes dar mais uma chance de “fazer tudo certo”, antes que os deixemos ir. Mas estamos fazendo isto por nós, não por eles, porque queremos o reconhecimento de nossa própria verdade.

Mas esta vida é como todas as outras vidas, onde os nossos parceiros cármicos se apegam ao seu propósito, para fazer o que precisa ser feito para criar o espaço energético para a nossa cura e a nossa transformação, levando a nossa liberação do carma através do perdão.

Mas ignoramos este potencial porque o nosso ego ferido deseja validação, quer que eles sejam gentis, agradáveis, e mostrem consideração pelos nossos sentimentos. Queremos ser capazes de confiar neles e para isto, eles precisam se redimir, serem agradáveis e não fazerem o que ele fizeram no passado.

Assim, criamos oportunidades para a redenção e tornamos o nosso perdão condicional se alguém estiver disposto a mudar.

A necessidade de redenção é real e poderosa, com base em nossas feridas e o nosso desejo de saber que somos dignos de amor, de bondade e compaixão. Não iremos encontrar estas coisas através da redenção, mas podemos criar a cura e a liberação através do perdão.

A energia polar do perdão é o ressentimento, a energia polar da redenção é a aceitação.

Podemos construir o nosso amor próprio e a nossa dignidade ao ponto em que podemos estar energeticamente “à prova de bala”, aceitarmos as ações de nossos parceiros cármicos como a verdade deles e o amor, a alegria, a paz, a bondade, a compaixão e a validação que buscamos serão nossos, em novos relacionamentos com novos parceiros livres do carma.

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/11/perdao-e-redencao.html
http://enlighteninglife.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!