AMANHECER EM LUZ & PAZ

AMANHECER EM LUZ & PAZ
Cada novo Sol, a cada despertar é uma nova vida que se inicia, ou mesmo uma renovada-ação. A cada Sol temos a certeza do maior milagre de todos: A VIDA É VOCÊ!

quarta-feira, fevereiro 11, 2015

SINTESE: O DESEJO DE SENTIR-SE MELHOR

O DESEJO DE SENTIR-SE MELHOR:



quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

O DESEJO DE SENTIR-SE MELHOR


Por Andrew Martin
Em 13 de janeiro de 2015



Muitos de nós lutamos com a sensação de estar trancados em padrões comportamentais ou percebemos que o que costumava nos fazer sentir melhor não funciona mais.
A consciência de que algo não funciona mais é uma coisa, mas fazer conscientemente novas escolhas pode parecer às vezes uma tarefa impossível.
Quando não conseguimos nos livrar de um comportamento, uma das razões pode ser que ainda não sentimos a sensação que o controla. 

O impulso de agir é simplesmente um convite para trazer à nossa consciência as sensações que acompanham o impulso.
Quando podemos ver uma ordem para agir vinda do ego como uma oportunidade de simplesmente observar a ação ao invés de se identificar com ela ou envolver-se com ela, então podemos começar a explorar a verdadeira motivação por trás de qualquer ação: o desejo de sentir-se melhor.

Quando nos permitimos reconhecer as sensações atrás das ações e deixamos que elas passem por nós, começamos a fazer a conexão entre sensação e ação.
Só agimos conforme um impulso porque acreditamos que ele nos trará uma sensação melhor.

Agimos sem pensar porque quando nos sentimos "mal", o nosso ego nos diz "você se sentirá melhor quando você agir”.
Mas, com que frequência temos um comportamento que pensamos que nos trará alívio só para perceber que ele de fato nos faz sentir pior?
Essa é a ilusão através da qual o ego funciona.
Ele só conhece aquilo que já funcionou antes.
Mesmo quando aquilo que funcionou não funciona mais, o ego não vê isso.
Ele continuará enviando as mesmas ordens para agir na forma de impulsos para evitar sentir-se "mal".
Quando começamos a observar compassivamente o que o ego está ordenando que nós façamos, e olhamos além do impulso de agir, logo começamos a explorar as sensações.

Quando nós sentimos antes de agir, muitas vezes descobrimos que as nossas ações não nos trarão de fato as sensações que desejamos.
Essa é a chave.
Observe a ordem para agir como ela é… simplesmente um impulso do ego.
Depois de observar o impulso, sinta as sensações que estão por trás do impulso… você começará a ver que em geral essas são sensações que o ego está tentando evitar que experienciemos.
Quando podemos nos permitir reconhecer essas sensações e vemos que elas só querem a nossa atenção e o nosso amor, então começamos a ver que elas não querem nos destruir ou controlar.
Elas só querem que nós as sintamos.
Tememos muitas vezes as nossas sensações porque o ego nos diz que devemos temê-las.
Quando vemos que as sensações são simplesmente um estado vibracional e que uma vez que elas foram reconhecidas elas podem ser modificadas, começamos o processo da cura.
É preciso foco, compaixão e desejo de mudar.
Quando sentimos antes de agir, então começamos a transcender os nossos padrões e comportamentos que nos mantêm trancados no indesejável ou indesejado.

Você tem que sentir para se curar.



Copyright©Andrew Martin. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere ou edite de forma alguma, o conteúdo permaneça completo e você inclua esta nota de copyright e o link:
Tradução: Aline Machado: linecmachado@gmail.com